Às vezes a poesia vem desconexa como um enigma só para que a gente a desvende. Sempre tive um temor de perder a poesia, medo que ela sumisse de mim. Hoje sei que ela sempre virá me visitar, ainda que nos momentos mais inesperados. Lindíssimo poema, Isabella.

Poeta e escritor nas horas vagas e não vagas. Instagram: @purapoesiaa